Conheça as 21 iniciativas classificadas como finalistas do Prêmio do Turismo

O Ministério do Turismo classificou os 21 finalistas que vão concorrer ao troféu de sete categorias do Prêmio Nacional do Turismo 2018 (CLIQUE AQUI E ACESSE A LISTA COMPLETA). Elas foram selecionadas entre 208 propostas habilitadas para concorrer à premiação, com participações de todo o Brasil. Um total de 241 iniciativas e casos de sucesso foram inscritas em sete categorias: monitoramento e avaliação do turismo (16 projetos); qualificação e formalização no turismo (19); valorização do patrimônio pelo turismo (47); turismo de base local e produção associada ao turismo (46); turismo social (17); inovação tecnológica no turismo (28); e marketing e apoio à comercialização do turismo (35).

 

Após a classificação de três finalistas por categoria, os selecionados ainda vão passar por análise meritória e eliminatória da comissão julgadora, que vai eleger os vencedores. A lista de premiados será anunciada em cerimônia no próximo dia 5, no Rio de Janeiro.

 

Segundo o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, a alta qualidade das propostas inscritas é um indicativo de que o prêmio vai se transformar em um termômetro de mercado e de performance do setor. “Ao identificar e disseminar as melhores práticas do turismo brasileiro, reconhecendo a importância desses exemplos para o desenvolvimento turístico e divulgando casos que podem ser reproduzidos em outros destinos turísticos nacionais, estamos reconhecendo e aplaudindo nossos avanços, nossos líderes e o pensamento moderno que está presente no mercado de Viagens do país”, avalia.

 

As iniciativas classificadas para a final obedecem aos critérios adotados para a premiação, como terem sido criadas especificamente para o setor turístico e implementadas há menos de 24 meses. Outro critério para o caso de sucesso ter sido aceito pela comissão julgadora foi a apresentação de resultados de mensuração de impactos diretos ou indiretos no turismo. Confira os três selecionados por categoria, anunciados em ordem alfabética:

 

Monitoramento e Avaliação do Turismo:
– Contribuições do Turismo em Áreas Protegidas para a Economia Brasileira (ICMBio)
– Monitoramento da Reputação dos Destinos da Rota das Emoções (Sebrae-CE)
– Programa de Otimização de Performance (Secretaria de Cultura e Turismo de Salvador)

Qualificação e Formalização no Turismo:
– Jogo dos Biomas Gastronômicos (IF Brasília, Campus Riacho Fundo I)
– Programa de Integração com os Municípios (TurisRio)
– Projeto Verena (Senac-RN)

Valorização do Patrimônio pelo Turismo:
– 2ª etapa do Museu Cais do Sertão (Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer de Pernambuco)
– Museu Casa do Carnaval da Bahia (Secretaria de Cultura e Turismo de Salvador)
– Rede Brasileira de Trilhas de Longo Curso e Conectividade (ICMBio)

Turismo de Base Local e Produção Associada ao Turismo:
– Rota do Queijo – Terroir Vertentes (Associação do Circuito Turístico Trilha dos Inconfidentes)
– Rota Encantos Rurais de Quilombo (SC)
– Vivejar (SP)

Turismo Social:
– Acessibilidade como fator de inclusão social do Turismo (Terra dos Sonhos Empreendimentos Turísticos)
– Capacitação em Roteiros Inovadores para Turismo Social (SENAC Nacional)
– “Inclusão” no 46º Festival de Cinema de Gramado (Autarquia Municipal de Turismo de Gramado)

Inovação Tecnológica no Turismo:
– Lance Hotéis
– Smart Tour Brasil
– Voucher Digital de Barreirinhas (Prefeitura de Barreirinhas/Sebrae-MA)

Marketing e Apoio à Comercialização do Turismo:
– E-Marketplace do Turismo Brasileiro (Gestour Travel Brasil)
– O Bom de Viajar (Brazil Hospitality Group)
– Plano de Desenvolvimento de Passageiros Riogaleão (Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro).

 

 

VOTE AGORA

 

Encerra-se nesta quinta-feira (29) a votação popular que vai apontar também os profissionais vencedores nas categorias Academia, Governo, Iniciativa Privada, Organizações Não-Governamentais e Imprensa/Mídias Sociais da 1ª edição do Prêmio Nacional do Turismo. Ainda dá tempo de votar: CLIQUE AQUI.

Destaques

Brasil e Mundo