GARIBALDI

Tudo é encantamento na Capital do Espumante Brasileiro. É reconhecida como a Capital Brasileira do Espumante devido ao pioneirismo e qualidade de seus vinhos e espumantes. A cidade, com um charme especial, guarda as características de um ambiente tranquilo, com uma paisagem bucólica que lhe dá um ar particularmente distinto do nosso tempo. Garibaldi também integra o Vale dos Vinhedos, região de reconhecida importância no Brasil pela produção vitivinícola. Além da magia que envolve o processo de elaboração do vinho, tem-se a possibilidade de conhecer os hábitos, a religião, a gastronomia e de ver-se envolvido nas manifestações artísticas que compõem o patrimônio cultural da região. Entre os eventos que a cidade oferece, destaca-se a Fenachamp – Festa do Espumante Brasileiro – que celebra o produto símbolo do município, e as rotas turísticas passadas, a Arquitetura do Olhar, a Rota Religiosa Aeternun, a Estrada do Sabor, a Rota dos Espumantes e a Rota de Compras. O Passeio da Barragem, a Maria Fumaça e o Museu Municipal são outros atrativos do município.

PINHAL DA SERRA – RS

O município de Pinhal de Serra esta localizado a 325 km da capital Porto Alegre e faz parte dos Campos de Cima da Serra.

Rico por suas belezas naturais o município vem desenvolvendo o Roteiro Turístico Aguas da Natureza no qual conhecemos um pouco do interior do município apreciando a culinária com café campeiro, visitação a associação onde se encontra o horto municipal de plantas medicinais, delicioso almoço no pesque pague um lugar para relaxar, visitação a Usina Hidrelétrica Barra Grande e nos impressionar com a grandiosidade desta obra e ainda podemos nos encantar pelas cachoeiras de fácil acesso.

Contamos ainda com o Camping do Andrinho localizado as margens do lago da usina onde e realizado trilhas de moto e corrida de gaiolas. A cada dois anos acontecem a Festa da Integração no Parque de Eventos João Ferreiras dos Santos, onde não faltam atrações como bailes apresentações artísticas e o tradicional tiro de laço. Também esta em fase de implantação o Sitio Arqueológico Pinhal da Serra onde poderemos entender como nossos ancestrais viviam na região serrana do estado.

 

FONTE: GOVERNO RS

NICOLAU VERGUEIRO – RS

Aproximadamente cem anos habitavam a região tribos de bugres e animais ferozes. Era um lugar fechado, com muitos animais, sendo conhecido por isso, como Pinhal Fechado. Em torno de 1920, inicia-se a colonização próximo ao rio, que não dava passo nem ponte, sendo possível a passagem somente a pé em época de estiagem, por esse motivo, passou a chamar-se de Arroio dos Portes, nome que prevaleceu até a década de 60. O nome do município de Nicolau Vergueiro teve sua origem como forma de prestar homenagem ao médico de Passo Fundo/RS, Dr. Nicolau de Araújo Vergueiro, tendo em vista seus relevantes serviços prestados ao povo dessa comunidade, a qual já possuiu outros nomes, sendo que primeiramente denominava-se Pinhal Fechado, posteriormente passando para Arroio dos Portes, e finalmente Nicolau Vergueiro.
FONTE: GOVERNO RS E PREFEITURA MUNICIPAL DE NICOLAU VERGUEIRO

BELÉM – PA

O Pará possui um vasto acervo cultural, resultado do encontro dos colonizadores portugueses, do índio e do negro africano. Dessa mistura surgiu a gastronomia mais autêntica do Brasil, retratada pelo pato no tucupi, a maniçoba, o tacacá, o peixe-frito com açaí dentre outros sabores da floresta. As emocionantes manifestações religiosas, vividas durante o Círio de Nazaré, a Marujada, o Círio noturno de Santo Antônio e o Çairé são experiências inesquecíveis que o visitante não pode perder, assim como os diversos eventos folclóricos, comemorados nos diversos municípios do estado, como os festivais dos botos (Santarém), das tribos (Juruti), do carimbó (Marapanim), mostrando toda a alegria das festas populares, sem esquecer dos ritmos contagiantes do carimbó, siriá, retumbão, guitarrada, calypso, tecnobrega e muIto mais, fazendo do povo um dos mais festivos do Brasil.

 

No polo Belém temos um vasto patrimônio arquitetônico, advindo da colonização portuguesa no auge da borracha. A riqueza cultural não está somente nos prédios e monumentos, está na devoção religiosa vivenciada no Círio de Nazaré, na gastronomia autêntica, no artesanato diversificado e através da música erudita e dos ritmos contagiantes do carimbó, guitarrada e tecnobrega.

 

FONTE: GOVERNO PARÁ

AFONSO CLÁUDIO – ES

Integra a região turística Montanhas Capixabas. Localizado em uma região onde a natureza foi prodigiosa, desde a formação do solo e a composição da fauna e flora, o município vive à base da agricultura e despertou vocação para o agroturismo, ecoturismo e a observação de aves, ganhando destaque além-fronteiras graças a suas belezas inigualáveis. Esse é um destino que nos leva ao mundo do homem do campo, com suas tradições e simplicidade. Da cidade ao campo, Afonso Cláudio é um lugar que revela antigos costumes preservados até hoje. Numa volta ao passado, nele se encontra as casas de colonos, os carros de boi, o fogão a lenha, as prosas, as pescarias e a culinária rural.

 

 

FONTE: GOVERNO ES

DELTA DAS AMÉRICAS – MA

Localizado a nordeste do Estado, na divisa com o Piauí, o Delta envolve a região sob influência do Delta do Rio Parnaíba, que tem setenta por cento da sua área no Maranhão. Tutóia, Paulino Neves, Água Doce do Maranhão e Araioses são os principais municípios. Deste último partem excursões turísticas para o Delta.

Delta do Rio Parnaíba – O Delta do Parnaíba é o terceiro maior delta oceânico do mundo. Raro fenômeno da natureza que ocorre apenas no rio Nilo, na África, e Mekong, no Vietnã. Sua configuração se assemelha a uma mão aberta, onde os dedos representariam os principais afluentes do Parnaíba, que se ramificam formando um grandioso santuário ecológico. Rios, flora, fauna, dunas de areias alvas, banhos em lagoas e de mar são alguns atrativos que o lugar oferece. Inesquecível!

Em Tutóia
Praias do Arpoador e Namorados.
Lagoas da Taboa, Jacaré, da Areia e Lagoinha.
Artesanato em palha, couro, coco, chifre, linha e conchas.

Em Araioses
Praias do Farol, do Caju, dos Guarás e dos Poldros.
Ilhas do Caju, dos Poldros, do Carrapato, Carnaubeiras e Canárias.
Igreja de Nossa Senhora da Conceição, do século XIX.
Cemitério indígenas Arayos, no povoado de Aldeia, a 20 quilômetros da sede.
Artesanato de palha de carnaúba (chapéus, tapetes, abanos), madeira, cerâmica, ferro e tecido.

Polo Delta das Américas: Indutor

  1. Tutoia
  2. Paulino Neves
  3. Araioses
  4. Água Doce do Maranhão

 

FONTE: GOVERNO MA

BARROS CASSAL – RS

O atual município de Barros Cassal pertence a uma região habitada por índios, que foram aldeados por jesuítas. Foi o Bandeirante Raposo Tavares que destruiu as reduções de São Joaquim. Os indígenas ficaram livres dos homens brancos até que iniciou-se o povoamento luso, isto em fins do século XVIII.

Uma das primeiras sesmarias doadas recebeu a denominação de \\\”Rincão de Santo Antônio\\\”; Sendo Santo Padroeiro, hoje Nossa Senhora Medianeira. De acordo com o Ato Municipal n. 1 de 10 de maio de 1910, foi considerado Distrito do município de Soledade.

Em 1930, como homenagem ao ilustre político que trabalhou pela implantação da República, a denominação foi trocada para Barros Cassal. Pela Lei n. 4598 de 5 de novembro de 1963, foi elevado à categoria de município, tendo ficado com 764 Km² de área, que mantem até a data atual.

 

FONTE: GOVERNO RS

PRAIA DO CARIPI – PA

Brisa dos ventos, ondas tranquilas e boa comida

Fica às margens da Baía do Marajó. Suas areias são brancas e finas com vegetação nativa. É uma ótima opção para curtir com a família e amigos durante os finais de semana ou no verão amazônico. Dar um mergulho nas águas mornas e tranquilas do Caripi é muito relaxante, além do mais quando se tem a brisa constante dos ventos acompanhada de uma boa comidinha, é perfeito!

 

FONTE: GOVERNO PA

 

TORRES / RS

Torres se caracteriza pela diversidade e exuberância das belas paisagens naturais. O Parque da Guarita, os Molhes da Praia Grande, o Morro do Farol e a Ilha dos Lobos são os principais atrativos turísticos da cidade. O turismo de aventura também é uma alternativa, pois há instrutores para a prática de voo livre no Morro do Farol. As Dunas de Itapeva possuem grande beleza natural e belas paisagens, e fazem parte de uma reserva ecológica. O município ainda recebe anualmente o Festival Internacional de Balonismo.

 

FONTE: MTUR